Teatro Barracão em Campinas estreia o projeto SarauCine 2.4

O próximo lançamento do Teatro Barracão tem gosto de cinema. Trata-se do projeto SarauCine 2.4, que inaugura o Cineclube desse importante Território das Artes em Campinas.  A abertura do evento, que será recheada pelo ciclo Corpus Afetos, está marcada para o próximo fim de semana: entre sexta-feira (21/6) e sábado (22/6) na sede do espaço cultural localizado em Barão Geraldo. O ingresso é no chapéu (contribuição espontânea da plateia).

“O SarauCine 2.4 tem como principais objetivos a promoção do convívio diverso no espaço do Teatro, a difusão de obras audiovisuais brasileiras e a discussão de temáticas pertinentes à nossa sociedade. A partir de exibições de longas e curtas, documentários e ficções, além de oficinas de roteiro, mesas redondas e rodas de conversa; o projeto promove a programação continuada e de qualidade na cidade”, destaca a diretora teatral Tiche Vianna, integrante do Teatro Barracão.

O SarauCine 2.4 tem a curadoria assinada por Coraci Ruiz, fundadora da produtora Laboratório Cisco, e Daniel Almeida, arte-educador e produtor de cinema. A temporada do projeto, que será realizada entre junho e novembro deste ano, dentro de uma programação mensal, será composta de um total de 24 exibições.

Frame filme Germino/crédito: Coraci Ruiz

A estreia

A programação de estreia conta com a exibição do filme premiado Germino Pétalas do Asfalto, assinado por Coraci Ruiz e Julio Matos, a partir de uma inspiração: o documentário Anna dos 6 aos 18, do russo Nikita Mikhalkov.

“Começamos a fazer este filme em 2016, quando soubemos que um amigo de nosso filho mais velho estava iniciando um processo de transição de gênero e, para isso, tomando sua primeira dose de testosterona. Sabíamos pouco sobre o tema naquela época, e nos primeiros anos fizemos uma série de entrevistas com ele, acompanhando as transformações em seu corpo e em sua vida”, conta Coraci Ruiz, diretora e roteirista.

 

Quando Jack inicia seu processo de transição de gênero, o Brasil mergulha em uma onda de extremo conservadorismo. Nesse sentido, Germino Pétalas no Asfalto acompanha as transformações em sua vida e no país, atravessados por um governo de extrema direita e por uma pandemia devastadora. Por meio de um relato íntimo do cotidiano de Jack e seus amigos, vê-se florescer uma rede de afeto e solidariedade que se constitui em meio a um contexto adverso.

“O que pudemos ver foi um processo de construção de uma comunidade de solidariedade e afeto entre jovens LGBTQIA+ em meio a um contexto adverso, atravessado por um governo desastroso e por uma pandemia que, no Brasil, tomou proporções assustadoras”, destaca a diretora.

 

Corpus Afetos

Durante o lançamento do SarauCine 2.4, a plateia também confere a programação Corpus Afetos – Cultura Queer, que conta com a exposição fotográfica ELUcidar, com curadoria de Giuliane Francezi e Yatu Kajá a partir das fotografias de Victor Galvão, uma oficina de performance e pelas performances Nada por Baixo e Brigadeiro de Caramelo, protagonizadas por Kara Catharina e Gaia Beaumond.

Programação

 

Sexta-feira (21/6)

19h: Exposição ELUcidar

20h: Exibição do filme Germino Pétalas no Asfalto

 

Sábado (22/6)
13h: Oficina de Performance
, com Kara Catharina e Gaia Beaumond

19h: Apresentação das performances Nada por Baixo e Brigadeiro de Caramelo, protagonizadas por Kara Catharina e Gaia Beaumond

 

Onde:  Teatro Barracão (Rua Eduardo Modesto, 128, Vila Santa Isabel, em Barão Geraldo, Campinas/SP).
Quanto: Ingresso no chapéu (contribuição espontânea).
Informações: (19) 99883-9872 e @teatrobarracaocampinas

Read Previous

Parque Dom Pedro faz doação livros para instituições campineiras

Read Next

Unimed Campinas anuncia investimento de R$ 200 milhões em centro especializado em Oncologia

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *